Central Banking

Teoria da Política Monetária

Da proposta seminal de Tinbergen aos pequenos modelos estruturais novo-keynesianos, o curso explora mais de sessenta anos de teoria, sem descuidar da prática proporcionada pelo uso intensivo do R nos laboratórios.

Um passeio pelo mundo da política monetária

Esse é o primeiro curso da área de Central Banking da Análise Macro, cujo objetivo é apresentar aos alunos os principais desenvolvimentos da moderna teoria de política monetária. Desde a contribuição seminal de Theil-Tinbergen até os pequenos modelos estruturais novo-keynesianos, os alunos percorrerão uma das áreas mais excitantes da macroeconomia. A teoria será vista de forma evolutiva, apresentando as principais contribuições que levaram ao consenso atual representado por metas (implícitas ou explícitas) de inflação e uso da taxa básica de juros como instrumento de política. Além disso, cada seção termina com um laboratório de R, cujo objetivo é entender algum conceito teórico pela lente da evidência empírica.

Organização do Curso

O curso é dividido em 10 seções. A primeira seção faz uma introdução ao R, a linguagem que utilizaremos nos laboratórios empíricos. A seção 2, por sua vez, apresenta o Esquema de Theil-Tinbergen e o problema de política econômica, relacionando metas e instrumentos. A seção 3 apresenta o impacto das expectativas racionais na teoria de política monetária. A seção 4 ilustra as discussões em torno das contribuições seminais de Kydland e Prescott Barro e Gordon, que deram origem ao debate regra vs. discrição na condução da política monetária. A seção 5 apresenta o consenso novo-keynesiano constituído por pequenos modelos estruturais para analisar o impacto da política monetária sobre o organismo econômico. A seção 6 traz discussões práticas sobre a implementação da política monetária, tais como o uso da Regra de Taylor, o modelo de inflation forecast targeting, reação a choques sobre a economia, suavização da taxa de juros, dentre outros. A seção 7 discute a intersecção entre política monetária e política fiscal. A seção 8 discute a operação da política monetária em uma economia aberta. A seção 9 faz diversas discussões empíricas sobre os modelos novo-keynesianos e a seção 10 trata do debate pós-crise de 2008.

Público-alvo

O curso se destina basicamente a profissionais do mercado em busca de uma maior compreensão sobre a moderna teoria de política monetária, alunos de graduação e pós-graduação interessados na área e professores de macroeconomia que buscam reciclar seus conhecimentos sobre política econômica.

Pré-requisitos

Não há necessidade de conhecimentos prévios de R, que é introduzido na primeira seção do curso. É conveniente que os alunos tenham tido ao menos um semestre de teoria macroeconômica, ainda que todos os desenvolvimentos necessários para o bom entendimento das aulas sejam vistos no curso.

Programa da última turma

Seção 01 - Apresentação do Curso

Seção 02 - O Esquema de Theil-Tinbergen e o problema de política econômica

Laboratório: investigando a relação entre juros e inflação com o R

Seção 03 - Política Monetária e expectativas racionais

Laboratório: construindo expectativas racionais com o R

Seção 04 - O debate Regra vs. Discrição na condução da política monetária

Laboratório: taxas reais de juros e política monetária neutra no R

Seção 05 - O Novo Consenso e as Regras Monetárias Ótimas

Laboratório: estimando a Curva IS e a Curva de Phillips de forma simultânea com o R

Seção 06 - Implementação da Política Monetária

Laboratório: o regime de metas de inflação ao redor do mundo

Seção 07 - Política monetária e política fiscal

Laboratório: investigando dominância fiscal com o R

Seção 08 - Política monetária numa pequena economia aberta

Laboratório: a paridade descoberta de juros na prática

Seção 09 - Análise empírica do Novo Consenso

Laboratório: estimando funções de reação para o Banco Central

Seção 10 - A política monetária depois da Crise de 2008

Laboratório: quebras estruturais

Material do Curso

Vídeos Didáticos
Cada seção será acompanhada de um vídeo gravado que conduzirá o aluno em todos os passos.

Apostila de Alta Qualidade
O curso conta com uma apostila de elevada qualidade, contendo as 8 seções.

Listas de Exercícios
Para que o aluno possa praticar os conceitos vistos, cada seção termina com uma lista de exercícios.

Sobre o instrutor

Vítor Wilher

Mestre em Economia | Cientista de Dados

Vítor Wilher é Bacharel e Mestre em Economia, pela Universidade Federal Fluminense, especialista em Data Science pela Johns Hopkins University e um dos professores pioneiros na oferta de Cursos de R no Brasil. Sua dissertação de mestrado foi na área de política monetária, titulada "Clareza da Comunicação do Banco Central e Expectativas de Inflação: evidências para o Brasil", defendida perante banca composta pelos professores Gustavo H. B. Franco (PUC-RJ), Gabriel Montes Caldas (UFF), Carlos Enrique Guanziroli (UFF) e Luciano Vereda Oliveira (UFF). Já trabalhou em grandes empresas, nas áreas de telecomunicações, energia elétrica, consultoria financeira e consultoria macroeconômica. Atualmente, é Sócio-fundador da Análise Macro, Conselheiro do Instituto Millenium e Palestrante. Caso queira, mande um e-mail para ele: vitorwilher@analisemacro.com.br

Como eu farei o curso?

Os cursos da Análise Macro são segmentados, de forma a melhor atender às diferentes demandas. Existem três formas de se matricular no Curso de Teoria da Política Monetária. Você pode querer apenas ter acesso ao material do curso, composto por videoaulas gravadas, apostilas, scripts, dados e laboratórios. Nesse caso, você adquire o nosso plano básico. Você pode, entretanto, querer além do material poder tirar dúvidas por e-mail com o nosso professor. Nesse caso, você adquire o nosso plano intermediário. Ademais, você pode sentir necessidade de ter uma orientação customizada do professor do curso. Nesse caso, você adquire o nosso plano premium.

Nivelamento em R

Não tem conhecimento de R? Não se preocupe! Ficará disponível durante todo o período do curso de Política Monetária o material do nosso Nivelamento em R. O nivelamento se divide em 5 seções. Elas se propõem a uma introdução qualificada ao R, desde a instalação e apresentação dos programas utilizados até a criação de funções, passando pelas principais estruturas de dados, importação de dados e construção de gráficos.

Emitimos Certificado de 60 horas para uso no seu trabalho ou universidade

Alunos dos planos intermediário e premium têm acesso a Certificado de 60 horas para fins de atividades complementares de cursos de graduação ou pós-graduação, bem como na sua empresa. Para ter acesso ao certificado, o aluno do plano intermediário deverá entregar as listas de exercício resolvidas até o prazo final da turma, recebendo os feedbacks correspondentes. Alunos do premium serão constantemente avaliados durante a vigência do plano customizado de aprendizagem.