Palestra "Por um Brasil mais livre" na Católica de Brasília

Amanhã, às 19h45, ministrarei a palestra "Por um Brasil mais livre" na Universidade Católica de Brasília. A ideia da palestra, que terá um foco econômico, é antagonizar uma visão liberal de desenvolvimento com outra, baseada no que chamamos de capitalismo de Estado. Mostrarei que economias baseadas em acordos entre empresários e Estado são mais fechadas, menos produtivas e com preços mais altos. De outra forma, economias onde empresas e indivíduos possuem maior grau de liberdade são justamente aquelas onde a alocação de recursos se faz de maneira mais eficiente. A intervenção do Estado na economia, ao estabelecer "campeões nacionais", cria privilégios para alguns em detrimento de "maiorias mudas". Isso gera, na maior parte dos casos, maior concentração de renda e, portanto, maiores problemas sociais. Na atual conjuntura de crise no país, um Brasil mais livre parece um caminho melhor a percorrer... 🙂

liberdade

Compartilhe esse artigo

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email
Print

Comente o que achou desse artigo

Outros artigos relacionados

Como aplicar Balanceamento por Entropia no R?

Nesta postagem, apresentamos uma introdução ao Balanceamento por Entropia, comparando este método com a técnica de pareamento e demonstrando os resultados obtidos com a implementação do código em R.

Análise de Elasticidade Preço com Python

“Se eu aumentar o preço, o que vai acontecer com as vendas?” Uma forma de responder este tipo de pergunta é através de ferramentas analíticas de microeconomia, como a análise de elasticidade. Neste artigo, mostramos um exemplo prático utilizando dados reais com o Python.

Calculando o impulso de crédito no Python

Qual é o papel do crédito no crescimento da economia? Para analisar esta questão, calculamos o indicador de impulso de crédito para a economia brasileira e comparamos com o nível da atividade econômica usando o Python.

como podemos ajudar?

Preencha os seus dados abaixo e fale conosco no WhatsApp

Boletim AM

Preencha o formulário abaixo para receber nossos boletins semanais diretamente em seu e-mail.