Tag

boletim focus no r Archives - Análise Macro

Relatório #23 - Focus

By | Indicadores

Nas últimas semanas, temos presenciado a piora das expectativas de variáveis macroeconômicas no Brasil. Uma forma de observar isto é analisando e visualizando os resultados do boletim focus.

Semanalmente, o Banco Central do Brasil divulga o resumo das expectativas mercado de mais de uma centena de instituições que realizam as projeções de variáveis macroeconômicas. Podemos ver uma tabela-resumo abaixo.

Vemos que há a persistência do aumento da expectativa de inflação no ano de 2021, e consequentemente o aumento da SELIC. Há também a alta do câmbio e o PIB decrescendo.

Chegando perto do fim do ano de 2021, não há mais otimismo para a melhora deste quadro, visto o grave risco fiscal que percorre o país com a extensão do auxílio emergencial e o abandono do teto de gastos.

Com a última reunião do COPOM, ocorrida em 27/10/2021, a SELIC teve um aumento de 150 pontos-base, chegando a 7,75%. Com isso, tem-se visto a expectativa do mercado para a taxa básica de juros até o fim do ano aumentando significativamente em 9,25%.

Se comparado com 1 mês atrás, temos um aumento 100 pontos base na expectativa até o final do ano, provando que o Banco Central está sendo surpreendido com a inflação brasileira. Para 2022 o cenário se torna pior: a expectativa da SELIC volta para os dois dígitos, com 10,25%.

Vemos a escalada da expectativa de inflação do país no ano de 2021, chegando ao valor de 9,17%. Resta torcermos para que não chegue aos dois dígitos, e que em 2022 esteja dentro da meta.

O gráfico acima demonstra a correção do mercado em relação ao PIB de 2021 e 2022. A expectativa de crescimento da atividade no país tem caido ao longo do ano.

A expectativa do Câmbio também tem-se demonstrado negativo para o país. Aumentando cada vez mais ao longo do ano.

________________________

(*) Para entender mais sobre expectativas e análise de conjuntura econômica, confira nosso Curso de Análise de Conjuntura usando o R - Versão 5.0.

Expectativas do Focus subestimam a inflação

By | Clube AM

No mês de dezembro, iremos lançar uma nova versão do Clube do Código, que se chamará Clube AM. O projeto de compartilhamento de códigos da Análise Macro vai avançar para uma versão 2.0, que incluirá a existência de um grupo fechado no Whatsapp, de modo a reunir os membros do Novo Clube, compartilhando com eles todos os códigos dos nossos posts feitos aqui no Blog, exercícios de análise de dados de maior fôlego, bem como tirar dúvidas sobre todos os nossos projetos, exercícios e nossos Cursos e Formações.

Para ilustrar o que vamos compartilhar lá nesse novo ambiente, estou publicando nesse espaço alguns dos nossos exercícios de análise de dados. Esses exercícios fazem parte do repositório atual do Clube do Código, que deixará de existir. Além de todos os exercícios existentes no Clube do Código, vamos adicionar novos exercícios e códigos toda semana, mantendo os membros atualizados sobre o que há de mais avançado em análise de dados, econometria, machine learning, forecasting e R.

Hoje, nós verificamos se as expectativas de inflação relatadas pelo boletim Focus sofrem de viés sistemático, contrariando assim a hipótese de expectativas racionais. Os resultados encontrados sugerem que as expectativas de inflação do boletim Focus subestimam a inflação efetivamente observada.

Para isso, nós basicamente estimamos a equação abaixo, com base em Kohlscheen (2012):

(1)   \begin{align*} \pi_{t} - E_{t-1}[\pi_{t}] = \alpha_0 + \eta_t \end{align*}

onde \pi_{t} é a inflação mensal em t e E_{t-1}[\pi_{t}] é a expectativa para a inflação em t. A estimação dessa equação visa verificar a ausência de viés sistemático nas projeções contidas no boletim Focus.

Abaixo, carregamos os pacotes necessários para o exercício.


library(rbcb)
library(tidyverse)
library(lubridate)
library(scales)
library(latex2exp)
library(scales)
library(lmtest)
library(sandwich)

Na sequência, nós usamos o pacote rbcb para coletar os dados de expectativas de inflação contidas no boletim Focus e os dados da inflação efetiva.


## Coletar as expectativas de inflação diárias e mensalizar os dados
expectativa = get_monthly_market_expectations('IPCA') %>%
mutate(reference_month = ymd(parse_date_time(reference_month,
orders = '%Y-%m')),
diff_months = round(time_length(reference_month - date,
unit='month'),2)) %>%
filter(base == 0 & diff_months > 0 & diff_months < 1) %>%
group_by(mes=floor_date(date, "month")) %>%
summarize(media=mean(mean))

expectativa$mes = expectativa$mes %m+% months(1)

## Coletar os dados de inflação mensal
inflacao = get_series(433, start_date = '2000-04-01') %>%
rename(mes = date, value=`433`)

## Juntar os dados
names = c('date', 'expectativa', 'inflacao')
data = inner_join(expectativa, inflacao, by='mes') %>%
`colnames<-`(names) %>%
mutate(erro = inflacao - expectativa)

Abaixo, um gráfico que contém o erro nas previsões contidas no boletim Focus em relação à inflação mensal efetiva.

Na sequência, nós verificamos se o erro de previsão contém viés, conforme a equação acima.

Dependent variable:
erro
Constant 0.067***
(0.020)
Observations 247
R2 0.000
Adjusted R2 0.000
Residual Std. Error 0.310 (df = 246)
Note: *p<0.1; **p<0.05; ***p<0.01

Isto é, as expectativas do boletim Focus subestimam a inflação mensal em 7 pontos-base, mostrando assim presença de viés nas mesmas. Os resultados encontrados, diga-se, estão em linha com Kohlscheen (2012).

_________________

Kohlscheen, E. 2012. “Uma Nota Sobre Erros de Previsão Da Inflação de Curto Prazo.” Revista Brasileira de Economia 66 (3): 289–97.

(*) Cadastre-se aqui na nossa Lista VIP para receber um super desconto na abertura das Turmas 2021.

Receba diretamente em seu e-mail gratuitamente nossas promoções especiais
e conteúdos exclusivos sobre Análise de Dados!

Assinar Gratuitamente