Nova formação da Análise Macro abre inscrições em maio!

Tá no final da graduação e precisa entregar um TCC? Lutando no mestrado para ter uma ideia para a dissertação? No Doutorado, se torturando com bases de dados? É professor e escreve papers, mas quer migrar para o R? Tá no mercado e produz diariamente apresentações e relatórios? Se você respondeu sim para alguma dessas perguntas, leia as próximas linhas, porque temos uma nova Formação que pode ser do seu interesse!

Conforme anunciado no final de março, nosso primeiro lançamento de 2019 é a Formação em Produção de Trabalhos Empíricos usando o R. Ao longo das últimas semanas, interessados na nova Formação tiveram acesso a um mini-curso gratuito que mostrou como é possível utilizar o R para coletar, tratar, analisar e apresentar dados. Já agora, estamos com tudo pronto para divulgar a nova formação, o seu programa e maiores detalhes sobre ela. As inscrições serão limitadíssimas, posto que o suporte aos alunos será bastante customizado, e começam no dia 6 de maio. Confira todos os detalhes desse grande lançamento em turma única esse ano aqui. Para dúvidas sobre a formação, você pode se inscrever no grupo de whatsapp exclusivo aqui.

 

Compartilhe esse artigo

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email
Print

Comente o que achou desse artigo

Outros artigos relacionados

Como usar o Google AI Studio e o Gemini?

Na corrida da IA, novas ferramentas e modelos são lançados quase que diariamente. Neste artigo mostramos como o Google tem competido neste mercado através do AI Studio e do Gemini e damos um exemplo de integração em Python.

Analisando a ancoragem das expectativas de inflação no Python

Se expectativas de inflação ancoradas com a meta são importantes para a economia, analisar o grau de ancoragem é imperativo para economistas e analistas de mercado. Neste exercício mostramos uma forma de aplicar esta análise com uma metodologia desenvolvida pelo FMI. Desde a coleta dos dados, passando pelo modelo e pela visualização de dados, mostramos como analisar a política monetária usando o Python.

Como analisar a DRE de empresas de capital aberto usando o Python

Quando analisamos a demonstração de resultados de uma empresa listada na bolsa de valores, frequentemente recorremos a ferramentas convencionais, que embora sejam úteis, muitas vezes carecem de automação. É aqui que entra o Python. Neste post, exploramos o poder do Python para automatizar o processo de coleta, tratamento e análise dos dados da Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) da Eletrobras, utilizando dados fornecidos pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários).

como podemos ajudar?

Preencha os seus dados abaixo e fale conosco no WhatsApp

Boletim AM

Preencha o formulário abaixo para receber nossos boletins semanais diretamente em seu e-mail.